/Abrir uma empresa com o melhor amigo é uma boa?

Abrir uma empresa com o melhor amigo é uma boa?

Garanto que você já ouviu falar de grandes histórias de empresas que não acabaram bem porque os fundadores eram grandes amigos e ao longo do tempo essa relação acabou. Será que você deve começar um negócio com o seu melhor amigo?

Pode ser incrivelmente estressante abrir um novo negócio, muitas vezes as coisas não acabam como planejamos no início, algumas vezes precisamos tomar decisões bem delicadas para o bom andamento daquele projeto inicial.

>> Se você ainda tem dúvidas se você pode ter um sócio, assista à esse vídeo onde encontrará as respostas para as suas dúvidas sobre ter ou não um sócio para o seu negócio, CLIQUE AQUI.

Mas não se preocupe, existem histórias de bons amigos que resolveram virar sócios e começar um próprio negócio juntos que por fim deu certo, e muito certo por sinal. Esse é o caso do Vinicius Almeida e Alexandre Loudrade, amigos e sócios que hoje faturam R$ 40 milhões juntos com sua holding de franquias.

Vinicius escreveu recentemente um livro onde conta sua trajetória ao lado de Alexandre, como já era de se esperar, nada foi fácil, mas a amizade dos dois e o bom relacionamento profissional fizeram com que ambos tivessem sucesso em seu negócio. Para baixar o livro gratuitamente CLIQUE AQUI e faça uma inspiradora leitura do Livro Sinônimo de Sucesso.

Trabalhar junto com seu amigo pode ser um grande campo minado para as amizades e para os negócios, misturar vida pessoal e profissional nesse caso é comum. Situações podem se tornar rapidamente estranhas e desconfortáveis.

O que você precisa para começar um negócio com seu amigo:

Antes de começar qualquer tipo de negócio é muito importante saber algumas respostas. Se você pensa em abrir uma empresa com seu amigo, antes de tudo responda as perguntas abaixo:

Vocês compartilham os mesmos objetivos de negócio?

Deixe claros seus objetivos, se um de vocês quer construir um negócio para durar décadas, e o outro tem o objetivo de criar um negócio de alto crescimento que poderá ser adquirido por outra empresa dentro de um ano ou dois. Estas diferenças fundamentais nas estratégias de crescimento certamente vão levar a grandes conflitos.

Vocês compartilham os mesmos valores?

Assim como casamento, se seu amigo (e parceiro de negócios em potencial) tem um conjunto diferente de valor e crenças, você deve pensar duas vezes sobre a mistura de suas finanças e futuros juntos. Você vai precisar tomar várias decisões que vão ser influenciadas por estas crenças e valores. Se vocês não estiverem alinhados certamente ocorrerá problemas.

O conjunto de suas habilidades se completa?

Certifique-se de que você está começando um negócio com seu amigo porque esta união realmente vai beneficiar ambos, não apenas porque você gosta de passar muito tempo com este amigo e acha que poderia ser divertido.

>> Começar uma empresa com seu melhor amigo pode ser uma boa quando o capital é reduzido, existem opções de franquias para esse tipo de perfil onde o investimento parte do R$ 6 mil, clique aqui e saiba mais.

Qual é a sua estratégia padrão para resolver conflitos?

Se você costuma discutir muito com seu amigo… As chances são de que a tendência irá transitar para seu negócio.  Quem terá a última palavra em uma decisão? Você consegue dizer não a seu amigo?

Vocês têm os papeis na empresa bem definidos?

Defina claramente os seus papéis complementares que cada um deve assumir no negócio. Desde o início, estabelecer uma cadeia de comando e defina claramente as funções de cada parceiro deve assumir.

Antes de começar qualquer negócio, seja ele com um amigo ou não. É muito importante definir bem o modelo de negócio a seguir, para que no futuro não tenha problemas. Converse, escreva tudo em um papel ou arquivo digital e guarde bem, no futuro você irá precisar dessas anotações.

Você tem medo de crescer com a sua empresa? Veja que esse medo de crescer é bem comum entre os empreendedores, assista ao vídeo abaixo:

Deixe o seu Comentário

Comentários